Estamos preparando um novo site, enquanto isso, leia mais sobre a nova marca.

Parceria Embrapii/MCTI e BNDES vai financiar R$ 20 milhões em soluções de combate à Covid-19

Para participar, iniciativas precisam estar em escala avançada de maturidade tecnológica

Compartilhe:


A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), organização social vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciam nesta quinta-feira (6) uma parceria para financiar projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I), voltados ao combate, tratamento e diagnóstico do coronavírus e para a área da saúde. O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes, participa do lançamento do programa.

Serão R$ 20 milhões disponíveis para apoiar soluções inovadoras na fase final de produção. Os projetos devem estar direcionados para o desenvolvimento de testes diagnósticos; ventiladores pulmonares e componentes; equipamentos de proteção individual e coletiva para profissionais da saúde e pacientes; e soluções ligadas ao combate, tratamento e diagnóstico da Covid-19, como tomógrafos, testes de medicamentos e vacinas e tecnologias associadas à indústria 4.0 (inteligência artificial, softwares e sensores) que contribuam para a retomada da atividade econômica de forma segura.

A parceria permite financiar as fases finais do projeto, como lote piloto e certificações, demonstração em ambiente operacional e as etapas de validação de seu desempenho, considerando que o projeto já se encontra na fase de industrialização. Como resultado, a parceria contribui para agilizar o processo de desenvolvimento industrial das soluções  tecnológicas que atendam às necessidades do sistema de saúde do país.

Os R$ 20 milhões serão desembolsados dentro da linha de crédito BNDES Funtec. A participação financeira do Banco poderá chegar até 50% do total do investimento apoiável, o restante será dividido por aportes não financeiros das Unidades Embrapii e contrapartidas das empresas parceiras.

A contratação da operação de BNDES Funtec será com a Embrapii que, por sua vez, irá apoiar os projetos contratados pelas Unidades EMBRAPII credenciadas. De acordo com o modelo Embrapii, estas Unidades somente terão acesso aos recursos para a contratação de projetos que sejam realizados em parceria com pelo menos uma empresa industrial. Em todos os projetos a empresa deverá aportar no mínimo 10% do valor do projeto.

Embrapii

A Embrapii é uma organização social ligada ao Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) que fomenta a inovação nas empresas por meio da parceria com centros de pesquisa credenciados (Unidades Embrapii), criando as condições necessárias ao fortalecimento das atividades de PD&I no país. O modelo operacional da EMBRAPII possui a vantagem de ser em fluxo contínuo, a qualquer momento a empresa pode desenvolver projetos sem a necessidade de esperar um edital. O modelo permite o apoio à inovação com agilidade, flexibilidade e capacidade de alavancagem de recursos privados.

Tradicionalmente a Embrapii atua na fase pré-competitiva da inovação (TRLs 3 a 6). Com a parceria do BNDES, a organização irá ampliar sua atuação no setor de saúde, direcionando recursos a projetos que precisam de apoio em TRLs mais elevados para chegar ao mercado. São tecnologias que possuem impacto em um curto espaço de tempo e que farão a diferença no tratamento, diagnóstico e cura de doenças da população.

Fonte: http://www.mctic.gov.br


Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Ir para o topo

Contato

Tem alguma dúvida? Estamos aqui para ajudar!

Entre em contato