Estamos preparando um novo site, enquanto isso, leia mais sobre a nova marca.

Não banalize o Design Thinking

Francesa lança e-book gratuito em que retrata suas experiências nas áreas de inovação e estratégia

Compartilhe:


Não banalize o Design Thinking

Com alguma frequência as pessoas costumam resumir Design Thinking em três variáveis: criatividade, prototipagem e equipes multidisciplinares. Na visão de Véronique Hillen, é como dizer que a França se resume a boinas e baguetes ou que a Alemanha consiste apenas de linguiças e cervejas.

Com 15 anos de experiência nas áreas de inovação e estratégia, Hillen defende que o Design Thinking é como ter contato com uma nova cultura. “Quando você visita um país estrangeiro, você vai ao encontro de sua riqueza, arquitetura, comida, hábitos, patrimônio… daí você pode escolher conhecê-lo como um turista apressado, que vê apenas uma minúscula parte e forma juízos de valor equivocados, ou pode viver como um nativo, mas ainda mais curioso, maravilhado e com gana de aprender”.

E se imergir no Design Thinking é mesmo como visitar outro país, pode-se dizer que Hillen deu a volta ao mundo. Todo o seu aprendizado, pesquisas, explorações, experimentos e descobertas foram reunidos em um e-book que ela lançou e disponibilizou gratuitamente na internet: “101 Repères pour Innover” (algo como 101 marcos para inovar).

O livro pode ser lido online ou baixado para o computador. O texto está disponível em três idiomas: francês, inglês e espanhol (na versão em espanhol Hillen divide a autoria do livro com a professora e pesquisadora Maria F. Camacho). No site, além da obra, é possível ter acesso a mais informações sobre o Design Thinking, vídeos e formas de contatar as autoras.

Para acessar, clique aqui.


Comentários

Ir para o topo

Contato

Tem alguma dúvida? Estamos aqui para ajudar!

Entre em contato